A Cidade no Tempo – de 25/11 a 2/12

Publicado em 25/11/11 às 1h23
Publicidade

25 – 1927 – Falece o senhor Constantino da Serra Fontes, português, que viera de Trás-Os-Montes/Portugal. Era viúvo de Maria Alves de Deus, com quem se casou em Amparo. Deixou cinco filhos: Benedito da Serra Fontes, Usno, Innocência, Maria e Arminda. Constantino foi um grande plantador de arroz na várzea do Paraíba.

26 – 1950 – Inicia sua circulação o jornal “O Combate”, sendo Francisco Miragaia Lemes o redator-chefe e Aparício Lorena o redator-secretário. O jornal sempre manteve uma linha política partidária. Foi, porém, um jornal de grande influência na vida da cidade. Enquanto viveu Aparício e seu filho Antonio Lorena (Loreninha), o jornal circulou. O semanário era impresso na mesma oficina que imprimiu o “O Jacareiense” e “O Bandeirante”. O Arquivo Público e Histórico da cidade possui duas coleções de “O Combate”, doadas por mim; sendo que uma recebi do amigo Loreninha e a outra da Família do Capitão Geraldo Siqueira.

27 – 1833 – Toma posse e presta juramento de Promotor Público da Vila de Jacareí Joaquim José Bitancourt.

28 – 1976 – É realizada a XXVII Feira de Arte, Artesanato e Folclore. Na Praça Barão do Rio Branco são realizadas as seguintes atrações: 10 horas “Rizzo e seus Palhacinhos”; 14 horas – “Banda de Bragança” – 15h30min horas – o Grupo Folclórico “Mocambo do Zumbi” apresenta “Capoeira”.

29 – 1996 – Às 19h30, o pastor José Roberto de Siqueira inaugura e consagra o templo Igreja do Evangelho Quadrangular, na Avenida São Francisco, 45, Jardim Paraíba.

Comentários

Deixe um comentário

Publicidade