Escola Municipal é uma das pioneiras na reciclagem de resíduos orgânicos

Publicado em 14/6/17 às 1h00
Publicidade

A Escola Municipal de Ensino Fundamental José Éboli iniciou na quarta-feira (7) a instalação de um sistema de compostagem. A EMEF será uma das primeiras escolas do município a reciclar seu próprio resíduo orgânico, transformando-o em adubo nutritivo, que será utilizado nas áreas verdes da própria escola.

O projeto tem o objetivo de proporcionar aos alunos uma maior interação com o meio ambiente e transformar a escola em um modelo prático de sustentabilidade. Participam do projeto 348 alunos do 1º ao 5º ano, incluindo a Educação de Jovens e Adultos (EJA).

De acordo com a diretora da escola, Ana Cristina Monteiro, a ideia surgiu a partir de conversas entre professores e funcionários que ao perceberem a quantidade de sobra das merendas, tiveram a ideia de transformar o material reciclado em adubo orgânico.

A diretora ainda prevê a ampliação do projeto com sistemas de captação de água da chuva, pomar e biodiversidade, horta espiral de ervas e plantio de verduras e legumes.

A iniciativa é uma parceria com a empresa Fibria.

Comentários

Deixe um comentário

Publicidade