Trabalhadores têm até 31 de julho para sacar FGTS inativo

Publicado em 18/7/17 às 4h46
Publicidade

O prazo final para o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), para trabalhadores nascidos em qualquer mês, é 31 de julho. Se o beneficiário não retirar o dinheiro até a data, o valor voltará para a conta do FGTS e só poderá ser retirado se estiver de acordo com as regras que permitem o saque.

Nas regras normais, o FGTS só pode ser retirado quando o trabalhador ou dependente for portador do vírus HIV; pessoas em tratamento contra o câncer; doentes em estágio terminal em razão de doença grave, ou se ficar pelo menos 3 anos sem receber depósito de empregadores no Fundo de Garantia.

Para saber se tem direito ao benefício, o trabalhador pode consultar o site da Caixa www.caixa.gov.br/contasinativas ou o Serviço de Atendimento ao Cliente pelo 0800 726 2017. Para realizar a consulta do saldo no 0800 ou no site, o trabalhador deve informar seu número de CPF ou PIS/PASEP (NIS).

Como sacar – Contas inativas com valores até R$ 1.500 podem ser sacados no autoatendimento somente com o Cartão Cidadão e senha. Para valores até R$ 3.000, o  saque pode ser realizado com o Cartão do Cidadão e senha no autoatendimento, lotéricas e correspondentes Caixa. Acima de R$ 3.000, os saques devem ser feitos nas agências.

A Caixa aconselha os beneficiários a levar documentos como de identificação, Carteira de Trabalho e rescisão de contrato, para facilitar o processo. Para saques acima de R$ 10 mil, estes documentos são obrigatórios.

 

Comentários

Deixe um comentário

Publicidade