Alunos da rede municipal fazem meliponário com apoio da Fibria

Alunos da rede municipal fazem meliponário com apoio da Fibria

Publicado em 5/7/18 às 10h48
Publicidade

Os alunos da EMEF Professor José Éboli de Lima, no distrito de São Silvestre, construíram um meliponário, durante o projeto ‘Práticas Sustentáveis’, realizado pela Fibria. A construção trata-se de um espaço apropriado para criação de abelhas nativas.

De acordo com a empresa, o objetivo do projeto é incentivar a participação de crianças e jovens em iniciativas que beneficiem o meio ambiente e contribuam para a qualidade de vida.

“A construção de um meliponário tem proposta educativa. A produção de mel com as abelhas sem ferrão possibilita o contato com os estudantes, que aprenderão na prática sobre a importância desses insetos no ecossistema”, afirma o consultor de sustentabilidade da Fibria, Adriano Martins.

A espécie de abelhas que ocuparam o meliponário foi a Jataí, típica do Brasil e que favorece a polinização da flora nativa, de lavouras e pomares, além de contribuir para a conservação da biodiversidade.

As crianças foram orientadas com a participação de técnicos do Programa Colmeias, que capacitaram os educadores e alunos e também participaram da instalação da caixa de abelhas.

Colmeias – O programa tem o objetivo de fortalecer a apicultura e fomentar o desenvolvimento da cadeia apícola na região. No Vale do Paraíba, cerca de 80 apicultores, de 10 cidades, participam do programa, criado há 15 anos e que tem trazido bons resultados, como o aumento de 47% na produção em 2017, comparando com o ano anterior.

 

Comentários

Deixe um comentário

Publicidade