Governo Federal amplia atendimento a dependentes químicos

Governo Federal amplia atendimento a dependentes químicos

Publicado em 10/10/18 às 5h36
Publicidade

Na terça-feira, dia 9, o presidente Michel Temer anunciou a ampliação em mais de 50% dos números de vagas que o governo custeia para o acolhimento de dependentes químicos “Essas comunidades foram selecionadas para desenvolver uma conexão entre o estado e a sociedade em favor da família”, afirmou em seu pronunciamento.

Para o ministro da saúde Giberto Occhi o mais importante da ação é que foi realizada pela união entre os ministérios da Saúde, Justiça e Desenvolvimento Social. “O ministério da Saúde já vinha atuando em várias frentes contra a dependência química com hospitais e Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) e agora amplia a ação para comunidades terapêuticas, que cuidam não só da droga, mas também do álcool. É um trabalho muito importante. Nossa previsão era credenciar menos vagas e agora vamos chegar a 9 mil vagas e essas vagas podem ter uma média de 4 meses de tratamento, elas se multiplicam por três durante o ano, algo em torno de 28 mil atendimentos em todas regiões brasileiras.”

Os novos recursos totalizam 90 milhões e vão cobrir todos os processos do atendimento como acolhimento, cuidado, recuperação e reinserção social.

Comentários

Deixe um comentário

Publicidade